Banner Blog

Lareiras

23/05/2019 / 5 meses atrás

Está na hora de escolher sua lareira?

Está na hora de escolher sua lareira?

# Encante-se com a história das lareiras, algo que nos proporciona um conforto tão grande nos dias atuais, e, inspire-se para escolher o seu modelo!

Inverno.... Quando pensamos nos dias frios de inverno, logo desejamos a agradável sensação do conforto térmico, ou seja, estarmos bem agasalhados com a nossa casa bem aquecida.

Essa necessidade de conforto térmico no período do inverno, sempre foi vital para a sobrevivência de toda espécie, não somente a humana.

Os animais procuram refúgios que trazem proteção contra o frio, e, os humanos, depois que passaram a manipular o fogo, utilizavam este a seu favor.

Durante a Idade da Pedra, os homens escavavam simples buracos nas cavernas e faziam fogueiras, que ao mesmo tempo aqueciam e permitiam cozinhar os alimentos.

 

Não temos muitos dados históricos sobre o surgimento das lareiras, mas, com certeza, durante o período Pré – Histórico, começou intuitivamente com o uso do fogo para preparar o alimento e, assim, aquecendo o ambiente.

No Período da Idade Média, tanto na casa dos camponeses como nos castelos, sempre havia uma grande lareira.

As famílias se reuniam a noite em torno das grandes lareiras em um momento de se aquecer e contar histórias.

Os castelos medievais eram construídos essencialmente de pedras, o que tornavam ambientes frios. As lareiras tornavam os ambientes aquecidos, proporcionando um maior conforto.

 

Nesse período, infelizmente, como não havia muita técnica, as lareiras acabavam poluindo o ar do ambiente, e, as cinzas se espalhavam. A utilização das chaminés em lareira surgiu ainda no Período Medieval, melhorando a utilização das mesmas.

No Período Vitoriano, a lareira ganha status na decoração, e, torna-se parte indispensável das casas vitorianas.

Eram decoradas com pedras, mármores, madeiras ou cerâmica pintada.

As casas vitorianas foram construídas no reinado da Rainha Vitória, entre 1837 a 1901. Esse estilo de construção e decorativo permanece até hoje no Reino Unido.

Em 1740, uma grande novidade chegou ao mercado.

Com a utilização do ferro fundido, Benjamin Franklin desenvolveu a Franklin Stove. O objetivo era produzir uma quantidade maior de calor com menos fumaça do que as tradicionais lareiras de alvenaria.

Desta forma, fazendo uso do ferro fundido foi possível obter muito mais aquecimento no ambiente, pois este possui a capacidade de absorver grandes quantidade de calor e irradiá-lo.

Assim, surgiram as primeiras salamandras, o uso deste nome com certeza, foi pela história mística que possui para os alquimistas.

As salamandras são pequenos animais que se escondem entre as lenhas, e, ao fogo não sofrem nenhuma queimadura, pois produzem um tipo de líquido sobre a pele que as protege do fogo.

 

 

Após, a Guerra de Independência dos Estados Unidos, as lareiras se transformaram em algo central na casa, construída em ferro e decorada com bordas e elementos ligados a decoração vigente da época.

A importância da criação do Franklin Stove foi imensa.

Benjamin Franklin foi um herói nacional, um ícone patriótico americano, um defensor dos fogões e lareiras em ferro fundido.

Tornou -se uma espécie de marca para os fabricantes de lareiras que o sucederam.

Outros inventores criaram lareiras de ferro fundido como as de Rittenhouse, e as pessoas os chamavam de Franklins.

Em 1816 James Wilson, um comerciante de Poughkeepsie, que logo se tornou um dos primeiros e mais bem sucedidos comerciantes de Nova Iorque,  se tornou um grande fabricante de fogões e lareiras de ferro fundido, unindo designer aos mesmos.

Patenteou sua própria versão melhorada, que foi produzida em grande escala, vendidos amplamente, e parece ter sido um protótipo para muitos dos fogões, original ou réplica, agora vendido como Franklins. 

Com os avanços tecnológicos, e, a maior manipulação do homem sobre os metais, as lareiras foram aprimoradas ao longo do tempo.

Hoje, podemos escolher para nossas residências se desejamos os tradiocinais modelos de lareiras de alvenaria, lareira em chapa naval, calefatores (hoje fabricados em aço carbono), salamandras em ferro fundido, lareiras a gás ou até a álcool.

Os calefatores foram o grande avanço, permitem o charme da lenha, com total efeciência em aquecimento.

Agora, que você conhece um pouco mais da história das lareiras, não perca tempo!

Escolha o modelo que melhor lhe atende na Ferreiro da Serra e tenha todo conforto térmico para você e toda sua família!

Conta pra gente o que achou!

NEWSLETTER

Digite seu e-mail

Não se preocupe, também não gostamos de SPAM :)